Quinta-feira, 20 de Maio de 2010

Doutorados em fatalidades

Não é só a assertividade da afirmação que está em causa quando o presidente do BPI diz que: “O dia em que batermos na parede não está muito longe. Talvez por semanas. Lamento, mas o país temde saber”. O que é tão ou mais preocupante é o ritmo a que o país passou a transformar pessoas inteligentes e conhecedoras do que falam em doutorados em fatalidades.

publicado por afacevisivel às 00:07
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Serafim Saudade Jr. a 20 de Maio de 2010 às 07:47
Quando o meu pai Serafim Saudade cantava na televisão todos diziam:antes o Fado!!!.
Agora eu digo:antes as músicas do Pedro Abrunhosa do disco LONGE..!!


Comentar post

_Mais sobre mim

_Pesquisar neste blog

 

_Setembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
17
18

19
20
25

26
27
28
29
30


_Posts recentes

_ Casamento homossexual, ab...

_ A promoção de Vara

_ A tosta mista e patriótic...

_ Um novo milagre das rosas...

_ É tão feio mentir a um il...

_ O Dia Europeu com Marijua...

_ Continuamos no pelotão do...

_ Os demónios internos do P...

_ Um país de chefes

_ O País das Maravilhas de ...

_Arquivos

_ Setembro 2010

_ Julho 2010

_ Junho 2010

_ Maio 2010

_ Abril 2010

_ Março 2010

_ Fevereiro 2010

blogs SAPO

_subscrever feeds