Segunda-feira, 12 de Abril de 2010

O caso Cimpor

Só podem ser exercícios especulativos da imprensa os mirabolantes relatos sobre a sucessão de equívocos na escolha do ‘Chairman’ e do ‘CEO’ da Cimpor. Não são, certamente, verdadeiras as notícias de que nas Finanças ou na Caixa se vetam alternadamente nomes por birra ou por antipatia política ou de que os accionistas realmente privados da empresa não têm a liberdade de escolher o ‘CEO’ que julgam ser mais competente. Francamente!? Como se estas ideias peregrinas pudessem ter lugar no século XXI!?

publicado por afacevisivel às 00:10
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Napoleão Armado a 16 de Abril de 2010 às 16:57
A minha Josefina diz-me que eu é que para lá tenho de ir.
Porque como já queimei uma das mãos no forno do pão da minha padaria agora só me falta queimar a outra no forno do cimento.
Assim ia logo para a reforma e depois ia fazer uma plástica ao Brasil.Sim porque estas queimaduras do forno do pão até deram jeito para a fotografia.
Agora se me queimo demasiado no forno do cimento é que é pior.
Fazem-me logo ali uma tampa para o túmulo pessoal e "à medida ".
A minha Josefina o que se quer é ver livre de mim.
Não vou!!!


Comentar post

_Mais sobre mim

_Pesquisar neste blog

 

_Setembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
17
18

19
20
25

26
27
28
29
30


_Posts recentes

_ Casamento homossexual, ab...

_ A promoção de Vara

_ A tosta mista e patriótic...

_ Um novo milagre das rosas...

_ É tão feio mentir a um il...

_ O Dia Europeu com Marijua...

_ Continuamos no pelotão do...

_ Os demónios internos do P...

_ Um país de chefes

_ O País das Maravilhas de ...

_Arquivos

_ Setembro 2010

_ Julho 2010

_ Junho 2010

_ Maio 2010

_ Abril 2010

_ Março 2010

_ Fevereiro 2010

blogs SAPO

_subscrever feeds